Mãe

MÃE…

São três letras apenas,
As desse nome bendito:
Três letrinhas, nada mais…
E nelas cabe o infinito
E palavra tão pequena – confessam mesmo os ateus –
És do tamanho do céu
E apenas menor do que Deus!

Mario Quintana

 

Neste dia das mães, queremos homenagear essas mulheres que guardam o infinito em seu coração. Que não conhecem limites ao amar; encontram a felicidade num sorriso, força e plenitude num abraço. Que são capazes de perdoar as maiores atrocidades, de cometer insanidades sem que se possa esperar. Tudo por mergulhar num amor tão profundo que não se pode superar.

Parabéns a todas essas mulheres que têm a capacidade de enxergar nos olhos do filho tudo que ele não consegue dizer, que deixam de dormir para velar seu sono e ali encontram a verdadeira paz do seu viver!

Sabemos que um dia é muito pouco para expressarmos todo o amor que sentimos por elas, e todas as palavras, gestos e canções são insuficientes para homenagear àquelas que contêm o dom mais precioso do universo: o amor incondicional que é o de MÃE ! Mas elas ainda nos dizem: “não precisava, meu filho. Meu maior presente é você!”